https://melhorfm.com.br/feed/

Brasil registra menos bebês no primeiro ano da pandemia

As dificuldades impostas pela pandemia de Covid-19 tiveram impacto também na formação das famílias brasileiras. De acordo com dados divulgados nesta quinta-feira (18) pelo IBGE (Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística), em comparação com o ano anterior, 2020 teve bebês registrados no país.

No ano passado, segundo os dados oficiais, houve um recuo de 4,7% na quantidade de recém-nascidos em relação a 2019. 

Ao todo, foram documentados 2.728.273 nascimentos nos cartórios no Brasil. Desse total, 2.678.992 são crianças que vieram ao mundo em 2020 e foram registradas até o primeiro trimestre de 2021, e 49.281 (cerca de 2%) são de anos anteriores.

A redução, de acordo com o IBGE, ocorreu em todo o país. A Região Norte apresentou a maior queda, com 6,8%. O Nordeste teve 5,3% a menos; Centro-Oeste, – 4,7%; Sudeste, – 4,3%; e Sul, – 3,1%.

No Amapá, a maior diferença entre todos os estados, com 14,1% de diminuição de bebês em relação a 2019.

Fonte : R7

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *