https://melhorfm.com.br/feed/

Comissão de Obras solicita estudo sobre Praça da Maria Buzolin

Colegiado também abordou outras demandas de munícipes: mobilidade urbana, queda de energia e centro comunitário do Cecap

Foto: Câmara Municipal de Limeira

Na reunião desta quinta-feira, 21 de setembro, a Comissão de Obras e Serviços Públicos da Câmara tratou sobre demandas diversas referentes à mobilidade urbana, à Praça da Maria Buzolin, ao Centro Comunitário do Cecap e a quedas de energia recorrentes registradas em bairros da cidade.

O colegiado é composto por João Antunes Bano (Podemos), presidente; Francisco Maurino dos Santos, Ceará (Republicanos), vice-presidente; e Lu Bogo (PL), secretária. Os membros são responsáveis por fiscalizar obras e serviços públicos realizados ou prestados pelo município, bem como os planos habitacionais, transportes, utilização das vias urbanas e estradas municipais, e sua respectiva sinalização. 

As reuniões acontecem ordinariamente às quintas-feiras, a partir das 14h. Todas as deliberações são registradas em ata.  

Praça da Maria Buzolin

O vereador Ceará apresentou à Comissão a demanda de comerciantes e munícipes que utilizam o espaço da Praça João Soares Pompeo, localizada na Avenida Maria Buzolin, com relação à estrutura de mesas e cadeiras instaladas no local. Ele relatou o risco que as quintas vivas desses equipamentos podem oferecer às pessoas.

O colegiado também destacou que os canteiros construídos com paralelepípedos pontiagudos geram perigo às crianças que brincam na praça, que podem tropeçar e se machucar. O tema já havia sido apontado à Prefeitura em diligência da Comissão em fevereiro deste ano. Diante da reivindicação, o parlamentar solicitou à Consultoria Técnica Especializada da Câmara que elabore um estudo e apresente à Comissão um laudo técnico sobre essas construções.

Ainda sobre a obra da praça, foi solicitado um levantamento de custos de implantação dos quiosques da praça.     

Linha de ônibus 116

Moradoras do bairro Parque Novo Mundo, Rita de Cássia, Maria dos Reis Pereira e Dalva Pereira da Silva solicitaram a intermediação dos vereadores para que a linha de transporte coletivo urbano 116 volte a passar pelas ruas da Imprensa e Rosália Schimidt de Camargo Aranha. Em contato com a Prefeitura sobre a questão, os vereadores foram informados que essas áreas podem voltar a ser atendidas após a conclusão de obras executadas e vias próximas. A previsão de conclusão dos serviços executados por meio de contrapartida é outubro.

Motocicletas

Antônio Augusto das Neves, motorista de caminhão aposentado, falou sobre a necessidade de instalação de áreas de espera para motociclistas em algumas vias da cidade. Ele pontuou que a sinalização de solo minimiza a disputa por espaço entre carros e motos e promove mais segurança no trânsito e já é utilizada em outras cidades do país.

A Comissão acolheu a demanda e convidou Antônio Augusto a participar da apresentação de um projeto, como cidadão legislador, para que Limeira possa estudar a adoção de áreas de espera para motocicletas junto aos sinais de trânsito. O objetivo é que essas motocicletas fiquem à frente dos demais veículos em uma espécie de bolsão de motos, em uma área delimitada por duas linhas de retenção próxima ao semáforo, como já ocorre em cidades como Ribeirão Preto, Campinas.  

Quedas de energia

A vereadora Lu Bogo propôs que sejam convidados representantes da Neoenergia Elektro para que esclareçam sobre frequentes quedas de energia em bairros de Limeira. Ela citou que no bairro Jardim Esperança e região do entorno os comerciantes têm reclamado de prejuízos causados pelas interrupções no serviço da empresa de distribuição de energia. 

A reunião foi agendada para 5 de outubro, às 14h30, na Câmara.  

Centro Comunitário Cecap

A Comissão deliberou pela realização de diligência no Centro Comunitário do Cecap, no dia 19 de outubro às 15 horas, solicitando a participação de representantes das secretarias municipais de Segurança, de Obras e Serviços Públicos, de Esportes e Lazer, conforme sugerido por João Bano. 

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *